Home / Artigos e Noticias / Válvula aórtica TAVI deve ser custeado por plano de saúde

Válvula aórtica TAVI deve ser custeado por plano de saúde

Direito à Saúde
valvula-aortica-tavi-deve-ser-custeada-por-plano-de saude
Avatar

Redação

fevereiro 4, 2022

Segundo dados da Sociedade Brasileira de Cardiologia, cerca de 14 milhões de brasileiros sofrem com algum tipo de doença cardíaca. Os médicos especialistas ainda afirmam que a tendência é de que esse número mais do que dobre nos próximos anos. 

Para o tratamento das doenças cardíacas, é comum cirurgias de implantes de válvulas, próteses e outros dispositivos, como o TAVI, que auxiliam no funcionamento do coração, chegando até a desempenhar funções que o músculo cardíaco não mais consegue. Sem falar nos transplantes cardíacos em si.

Mas, esses são procedimentos muito caros e por isso, muitos indivíduos passam a buscar os planos de saúde, inclusive pensando em futuras emergências e custos com tratamentos.

Válvula aórtica TAVI

Dentre esses revolucionários tratamentos, um dos mais benéficos é o implante percutâneo transcateter de válvula aórtica, ou TAVI.

Esse método é especialmente utilizado para pacientes com estenose aórtica – doença responsável por obstruir a válvula aórtica . De forma menos técnica, basicamente, é quando o tecido que abre e fecha a principal artéria do coração para de funcionar, bloqueando a passagem do sangue.

Assim, os médicos inserem o TAVI através de um cateter em algum ponto do corpo, guiando o dispositivo até que chegue ao coração. Lá, a válvula irá se expandir e auxiliar na desobstrução da artéria, permitindo que o sangue circule normalmente.

Todo o procedimento é rápido e, em geral, o paciente recebe alta em 48 horas. Tal método é extremamente revolucionário justamente pelo pouco impacto negativo, sendo um dos menos invasivos.

Paciente foi diagnosticado com Estenose Aórtica

Após os 70 anos, cerca de 5% das pessoas sofrem com deficiências nas artérias cardíacas. Dessa forma, esse foi o caso de um homem de 80 anos, cujo diagnóstico ocorreu após diversos episódios compatíveis com os sintomas da doença, como falta de ar e desmaios.

Somado a isso, possuía ainda grave doença renal, o que o levou a ser internado. De acordo com relatórios médicos, seu preocupante quadro o tornava inelegível para cirurgias convencionais, com métodos mais agressivos. Nesses procedimentos, seu risco de morte superava os 20%.

Por isso, o único tratamento compatível com seu sensível quadro era justamente a implementação do dispositivo TAVI, muito menos intrusivo e capaz de sanar sua deficiência cárdica. Todavia, os custos médicos totais podiam superar R$ 50 mil, incompatíveis com a situação financeira do idoso.

Plano de saúde se recusa a custear válvula aórtica TAVI

Sendo cliente de um plano de saúde, recorreu a este para que tivesse sua cirurgia custeada. Entretanto, recebeu uma negativa de cobertura da operadora, que utilizou o argumento de que esse tratamento não estava no rol de procedimentos da ANS. Este artigo fala mais sobre porque o rol da ANS não deve ser utilizado dessa forma.

Paciente recorre à Justiça para ter seu direito reconhecido

Diante de uma situação preocupante e precisando que o procedimento fosse realizado o mais rápido possível, o paciente buscou um escritório especializado em ações contra planos de saúde e Direito à Saúde.

Já em primeira instância, conseguiu ter seu direito reconhecido, com o juízo deixando claro que a súmula 102 se aplica nesse caso:

Havendo expressa indicação médica, é abusiva a negativa de cobertura de custeio de tratamento sob o argumento da sua natureza experimental ou por não estar previsto no rol de procedimentos da ANS.

Mesmo após a operadora do plano de saúde recorrer para o Tribunal de Justiça, a decisão foi mantida e ainda se reafirmou a aplicação da súmula 96, que diz:

Havendo expressa indicação médica de exames associados a enfermidade coberta pelo contrato, não prevalece a negativa de cobertura do procedimento.

Planos de saúde podem não autorizar válvula aórtica TAVI com base no Rol da ANS?

Não! Conforme demonstrado acima, esse tema já foi intensamente debatido e as decisões da Justiça deixam claro que a lista de tratamentos presentes ali é meramente exemplificativa. E isso não vale apenas para a válvula aórtica. Veja quais procedimentos o plano deve custear:

  • Todo tratamento de alto custo cuja necessidade médica seja comprovada, mesmo fora do Rol da ANS.
  • Implementação conforme explorado neste artigo.
  • Sessões recorrentes de tratamentos necessários, como fisioterapia e hemodiálise.

O conosco contato pode ser feito através do formulário no site, WhatsApp ou pelo telefone (11) 3181-5581. O envio de documentos é totalmente digital.

Imagem em destaque: Pixabay (PublicDomainPictures)

Avatar

Redação

MAIS ARTIGOS

Notícias e Artigos relacionados

Nossa reputação é de excelência em serviços jurídicos

Avaliação dos clientes
sheila cristina
sheila cristina
21/06/2024
Quero expressar minha gratidão pelo excelente trabalho e dedicação em minha causa. Muito obrigada por toda atenção e empenho em me representar da melhor forma possível. Obrigada a toda equipe da Rosenbaum Advogados. Atenciosamente, Sheila Cristina.
Eliezer Pontes
Eliezer Pontes
19/06/2024
Rosebaum Advogados, nos atendeu plenamente durante todo o processo jurídico envolvendo a TAP e realizou um trabalho vitorioso junto a justiça.
MARCIO SOUZA
MARCIO SOUZA
19/06/2024
Excelente. O atendimento foi ótimo, rápido. A ação teve uma tramitação rápida e o pagamento da ação foi rápido.
Ricardo Coelho
Ricardo Coelho
18/06/2024
Boa tarde!!! Estou muito feliz com o nosso sucesso. Recebi os valores que acreditava ter perdido. Só tenho a agradecer a seriedade e o compromisso da Rosenbaum. Desejo muito sucesso ao escritório e a todos seus parceiros. Certamente irei indicar à quem me perguntar. Sou de Brasília-DF e o escritório em SP, resolvi tudo pela internet e recebi meus valores por pix rapidamente assim que liberado pela justiça. Muito obrigado a todos. Atenciosamente Ricardo Coelho
PROJETO CAPOERÊ MESTRA LU PIMENTA
PROJETO CAPOERÊ MESTRA LU PIMENTA
18/06/2024
Excelentes profissionais, além de muito competentes.
suzana pupo
suzana pupo
18/06/2024
Escritório maravilhoso, atendimento excelente, e altamente profissional, entramos com a ação, e em todo o tempo tive , retorno de como estava o processo, ate a finalização, com exito total. Parabéns a todos os envolvidos!!!!
Jean Cláudio Balan
Jean Cláudio Balan
17/06/2024
Organização extremamente competente! Moro no interior de São Paulo, entrei em contato por email e eles fizeram todo o processo online. Ganhamos a causa e já recebemos. Obrigado pela agilidade e honestidade.
Maria eduarda Rie miyazato
Maria eduarda Rie miyazato
11/06/2024
São muito atenciosos e respondem rápido. Conseguiram sanar minhas duvidas e explicam tudo bem detalhado para não ter desentendimento! Recomendo
ROSENBAUM ADVOGADOS

Fale com a nossa equipe de especialistas, e dê o primeiro passo rumo à solução dos seus desafios.

FALE CONOSCO
Relate seu caso online
Shares
Atendimento Rosenbaum Advogados

Atendimento Rosenbaum Advogados

Olá! Podemos ajudá-lo(a)? Teremos prazer em esclarecer suas dúvidas.
Whatsapp