Home Artigos e notícias Entenda o que é Prouni 2021, que está com inscrições abertas

Entenda o que é Prouni 2021, que está com inscrições abertas

Compreenda como funciona o Programa Universidade Para Todos (Prouni) e saiba como se inscrever.

14 de julho de 2021

string(4) "topo"

As inscrições para o Programa Universidade Para Todos (Prouni) 2021 abrem nesta terça-feira (13) e se encerram às 23h59 desta sexta-feira, dia 16 de julho.

O Prouni é um dos maiores processos seletivos do Brasil, por meio do qual,  todos os anos, são distribuídas mais de 200 mil bolsas de estudos para que estudantes de baixa renda tenham acesso ao ensino superior.

Descubra quais são os requisitos exigidos e veja quem pode concorrer às bolsas de estudo oferecidas pelo Prouni 2021. 

O que é o Programa Universidade Para Todos (Prouni)?

O Prouni é um programa de inclusão educacional com a finalidade de ajudar estudantes brasileiros que não têm condições de pagar o valor das faculdades particulares a ingressar no ensino superior.

Ademais, o programa é gerenciado pelo Ministério da Educação e foi criado pelo Governo Federal, em 2004.

Por fim, o Prouni oferece bolsas de estudo em instituições particulares de educação superior, em cursos de graduação e sequenciais de formação específica, a estudantes brasileiros sem diploma de nível superior.

Quem pode participar do Prouni 2021?

Podem se candidatar ao Prouni os estudantes que participaram da última edição do Enem e obtiveram, no mínimo, 450 pontos na média das notas do exame, além de nota na redação maior do que zero. 

Como é calculada a nota do Enem?

Diariamente, o sistema do Prouni calcula a nota de corte de cada curso em tempo real, com base no número de bolsas disponíveis e no total de candidatos inscritos no curso, por modalidade de concorrência.

Vale lembrar, que a nota de corte é a menor nota para ficar entre os potencialmente pré-selecionados e se modifica de acordo com a nota dos inscritos.

Contudo, essa é apenas uma referência para auxiliar o candidato no monitoramento da inscrição. Portanto, a nota de corte não é garantia de pré-seleção para a bolsa ofertada. 

Assim sendo, a referida nota é calculada dividindo-se a soma de todas as notas obtidas nas provas que compõe o Enem por cinco, sejam elas:

  • ciências da natureza e suas tecnologias; 
  • ciências humanas e suas tecnologias; 
  • linguagens, códigos e suas tecnologias; 
  • matemática e suas tecnologias e redação.

Vale destacar, que não são consideradas as notas obtidas nos exames anteriores. 

Quais são os requisitos para se candidatar às bolsas do Prouni?

Além de ter feito o Enem e obtido no mínimo 450 pontos na média das provas e nota na redação maior do que zero, o candidato deve comprovar renda familiar bruta mensal por pessoa e satisfazer a pelo menos uma das condições abaixo:

  • ter cursado o ensino médio completo em escola da rede pública;
  • ter cursado o ensino médio completo em escola da rede particular, na condição de bolsista integral da própria escola;
  • ter cursado o ensino médio parcialmente em escola da rede pública e parcialmente em escola da rede particular, na condição de bolsista integral da própria escola privada;
  • ser pessoa com deficiência;
  • ser professor da rede pública de ensino, no efetivo exercício do magistério da educação básica, integrante de quadro de pessoal permanente de instituição pública e concorrer a bolsas exclusivamente nos cursos de licenciatura. Nesses casos, não há requisitos de renda.

Que tipos de bolsas são oferecidas pelo Prouni?

Os resultados do Enem são utilizados como critério na distribuição das bolsas de estudo, portanto, as bolsas são concedidas conforme as notas obtidas pelos estudantes no exame.

Logo, o programa disponibiliza dois tipos de bolsas de estudos:

  • Bolsa integral – na qual o candidato deve comprovar renda familiar bruta mensal de até um salário mínimo e meio por pessoa. 
  • Bolsa parcial – para a bolsa parcial (50%), a renda familiar bruta mensal deve ser de até três salários mínimos por pessoa.

Também pode te interessar:

Negativação indevida por matrícula não efetivada após vestibular
O que é Identidade Jovem?
CadÚnico 2021: o que é, para que serve e como se cadastrar

Como funciona o Prouni?

O processo seletivo do Prouni tem uma única etapa de inscrição que é gratuita e realizada exclusivamente pela internet, no portal oficial do programa.

Além disso, o candidato pode escolher, em ordem de preferência, até duas opções de instituição, curso e turno dentre as bolsas disponíveis, de acordo com seu perfil.

É importante salientar, que os candidatos com deficiência ou que se autodeclaram indígena, preto ou pardo podem optar por concorrer a bolsas destinadas às políticas de ações afirmativas.

Além disso, durante o período de inscrição, o candidato pode alterar as opções, sendo considerada válida a última inscrição confirmada.

Não obstante, encerrado o prazo de inscrição, o sistema do Prouni classifica os estudantes de acordo com as opções e as notas obtidas no Enem

o-que-é-e-como-funciona-o-prouni
Graduados, mesmo quem sem o benefício ofertado pelo Governo Federal, não podem participar da seletiva do Prouni.

Dessa forma, os estudantes são pré-selecionados em apenas uma das opções de curso, observada a ordem escolhida no momento da inscrição e o limite de bolsas disponíveis.

Em suma, serão realizadas duas chamadas, na quais os candidatos pré-selecionados têm um prazo para comparecer à instituição de ensino e apresentar os documentos que comprovem as informações prestadas na ficha de inscrição.

Todavia, para certificar-se da veracidade das informações prestadas, a instituição pode pedir ao estudante outros documentos que julgar necessários.

Por fim, ao final dessas duas chamadas, o candidato pode manifestar interesse em participar da lista de espera do Prouni. 

Contudo, as bolsas eventualmente não preenchidas nas duas chamadas serão ocupadas pelos estudantes participantes da lista de espera que comprovarem as informações prestadas na ficha de inscrição.

Como se inscrever no Prouni?

A inscrição deve ser feita exclusivamente pela internet, na página do Prouni.

Não obstante, ao iniciar a inscrição, o candidato será direcionado para a página do Gov.br, na qual deverá efetuar seu cadastro preenchendo todas as informações solicitadas. Caso o candidato já possua cadastro, basta digitar CPF e senha cadastrados.

Confira o passo a passo abaixo:

  • acesse o site oficial do ProUni e clique em “Fazer a inscrição”;
  • Insira o seu CPF juntamente com o número de inscrição e senha cadastrados no Enem do ano anterior. Caso não tenha esses dados em mãos, você pode encontrá-los no site oficial do Enem;
  • preenchendo os dados de acesso, o sistema irá automaticamente recuperar seus dados e sua nota obtida no Enem. Confira se os dados estão corretos e atualize as informações, caso necessário;
  • preencha um questionário sobre a sua situação social, bem como dados sobre os membros da sua família;
  • escolha duas opções de cursos desejados, por ordem de prioridade, em uma ou mais instituições de ensino. É possível filtrar as opções por instituição de ensino, por curso ou por município. 
  • após indicar os cursos escolhidos, escolha o tipo de bolsa pretendida, Cotas ou ampla concorrência. 

Vale destacar que, enquanto o período de inscrições estiver aberto, os estudantes inscritos poderão alterar suas opções de curso.

Além disso, cabe ressaltar que  as cotas são voltadas para estudantes com deficiência, negros, pardos ou índios.

Contudo, também é importante lembrar que certos cursos possuem requisitos específicos para a matrícula. Na mesma via, algumas instituições também possuem uma espécie de processo seletivo interno.

Portanto, é importante verificar se o curso ou instituição escolhida detém algum detalhe específico nesse sentido, uma vez que alguns desses fatores podem levar à perda do direito à bolsa.

Calendário do Prouni 2021

O processo seletivo para o Prouni acontece semestralmente. Normalmente, as inscrições são liberadas em janeiro e julho. Confira a seguir o calendário deste ano:

DATAATIVIDADE
De 13 a 16 de julho de 2021Período de inscrições
20 de julho de 2021Resultado da 1ª chamada
De 20 a 28 de julho de 2021Comprovação de informações da 1ª chamada
03 de agosto de 2021Comprovação de informações da 1ª chamada – / Resultado da 2ª chamada
De 03 a 11 de agosto de 2021Comprovação de informações da 2ª chamada
De 17 a 18 de agosto de 2021Prazo para participar da Lista de Espera
20 de agosto de 2021Divulgação da Lista de Espera
De 23 a 27 de agosto de 2021Comprovação de informações da Lista de Espera

Imagens do texto: Freepik (@vectorjuice)

0Shares
0