Home Artigos e notícias Dicas para comprar imóvel em leilão.

Dicas para comprar imóvel em leilão.

05 de julho de 2017

Como funciona um leilão de imóveis.

A grande maioria dos brasileiros sonha em fugir do aluguel e adquirir uma casa própria. O alto custo do investimento é um dos grandes obstáculos para a realização desse sonho, principalmente nesse momento de crise pela qual o país atravessa. Encontrar o imóvel certo que caiba no bolso é um desafio enorme.

O que pouca gente sabe é que a casa própria pode sair bem mais barata. Os leilões de imóveis permitem comprar a casa própria com descontos que podem chegar a até 40%. Mas, mesmo sendo uma das melhores formas de economizar, o número de pessoas físicas que participam dessa prática no Brasil ainda é considerado muito baixo,

Praticamente apenas investidores e empresas se envolvem nesse negócio, situação muito diferente em outros países. Em função disso, essa modalidade ainda gera muitas dúvidas nos possíveis compradores.

O que é e quais são os tipos de leilão?
Antes de entrar nesse “mundo”, é bom saber exatamente o que é um leilão. Trata-se de uma venda pública que permite a participação de qualquer pessoa física ou jurídica com mais de 18 anos. A pessoa que fizer o maior lance acima do valor mínimo definido em cada lote vence o leilão.

Existem dois tipos de leilão: o Judicial e o Extrajudicial. Conhecer as diferenças entre eles é fundamental para garantir a segurança do negócio:
Judicial: é considerada a modalidade mais segura. Nela, o imóvel é leiloado para quitar alguma dívida do proprietário cobrada em juízo, ou seja, a origem é sempre por meio de um processo judicial. O ideal é que se dê preferência a imóveis desocupados, para não correr o risco de chegar à residência ainda com os inquilinos ou proprietários anteriores.
Extrajudicial: nesse caso, o bem leiloado pode ter diversas origens, como particular (pessoa física, jurídica ou instituição bancária) ou alienação fiduciária. É levado a leilão por falta de pagamento do financiamento no banco ou nas parcelas do imóvel comprado na planta diretamente com a construtora. Com isso, acaba sendo dado como garantia para uma instituição financeira. O problema é que, dependendo da situação, será preciso entrar com uma ação na Justiça para retomar a propriedade.

Dentro destes 2 tipos de leilão de imóveis, o evento pode ocorrer de três formas distintas: leilão online, leilão presencial e online e o presencial:

● Online: é o leilão realizado apenas pela internet.

● Presencial e Online (Simultâneo): realizado em local físico, mas que também recebe lances pela internet através de um auditório virtual.

● Presencial: prática feita apenas em local físico, onde os lances pela internet não são aceitos.

Saiba como participar de um leilão online
Tem interesse, mas não sabe como participar de um leilão online? Confira abaixo o que é necessário para se habilitar a esse tipo de evento:

● Para começar, é preciso fazer um cadastro no site. A Zukerman Leilões, por exemplo, é uma das principais empresas que oferecem o serviço;

● Após fazer o cadastro completo, solicite sua habilitação. Para isso, envie os documentos solicitados, faça o login, escolha o leilão que gostaria de participar e o lote de interesse. Depois, vá em “Habilite-se | Dê seu lance”, leia – e aceite – o edital com as regras e aguarde o contato liberando a sua participação;

● É bom destacar que o interessado deverá solicitar a sua habilitação para cada um dos leilões individualmente. Geralmente, o envio de lances é feito entre 10 e 30 dias antes, ou seja, com bastante antecedência. O leilão online será encerrado no dia e hora indicados pelos organizadores;

● Depois de habilitado e devidamente logado, Você tem a possibilidade de ofertar lances antecipados, anteriores ao início do leilão, podendo optar por lances manuais ou automáticos;

● Caso tenha arrematado algum lote, Assim que o leilão terminar, você receberá um e-mail com as orientações para pagamento.

(Redação – Agência IN)

http://www.investimentosenoticias.com.br/financas-pessoais/orientacao-ao-consumidor/como-funciona-um-leilao-de-imoveis

0Shares
0