Home Artigos e notícias 8 dicas para evitar transtornos em viagens na alta temporada

8 dicas para evitar transtornos em viagens na alta temporada

09 de janeiro de 2020

A alta temporada de viagens já começou, coincidindo com as férias e o verão. Os aeroportos estão mais cheios, há aumento no número de voos, companhias aéreas reforçam as equipes e os viajantes são mais famílias e crianças.

As viagens são mais longas, o que exige mais bagagens dos passageiros e com isso, mais filas nos balcões de check-in. Confira abaixo XX dicas para conseguir fazer uma viagem tranquila na alta temporada.

1) Conferir informações de voos na véspera da viagem

As companhias podem mexer nos horários dos voos, causando alterações que levam a atraso e cancelamento de voo. É importante ligar para a companhia aérea, revisar os dados da viagem na véspera e evitar transtornos no aeroporto lotado pela alta temporada.

2) Organizar a bagagem e atenção para evitar furtos e extravio

Importante saber o que levar na bagagem de mão e na bagagem despachada. O excesso custa caro. Além disso, tenha atenção para identificar bem as suas bagagens e não haver problemas com extravio.

3) Opte pelo check-in antecipado 

É possível fazer o check-in pela internet ou celular com pelo menos 72h de antecedência, para voos domésticos e na maioria dos voos internacionais. Nas companhias aéreas internacionais, geralmente é possível fazer com 24 ou 48 horas de antecedência. Assim se evita filas nos balcões que certamente, estarão mais cheios.

4) Saia com mais antecedência para o aeroporto

É possível haver trânsito no trajeto até o aeroporto e pode ser que demore mais do que o previsto. Além disso, há possibilidade de se encontrar um aeroporto lotado, o que faz com que o check-in e o despacho de bagagem seja mais demorado. Durante a alta temporada de férias e verão, os procedimentos levam mais tempo.

5) Não hesite em se apresentar ao balcão da companhia com tempo, sobretudo na alta temporada

Como os aeroportos estão mais lotados e os funcionários com mais demanda, as companhias podem ficar mais rigorosas em relação aos horários de encerramento de voos. Havendo menos tolerância, o passageiro que chegar tarde corre risco de ter embarque negado ou mesmo sofrer overbooking.

6) Dirija-se ao portão de embarque assim que possível, antes do horário indicado.

Alta temporada é sinônimo de filas, como por exemplo, no raio-x. Além disso, pode haver alteração no portão de embarque ou outros imprevistos. É importante estar atento aos sinais e avisos.

7) Saiba que pode haver atraso ou cancelamento de voos na alta temporada

Esses são problemas muito comuns nessa época do ano, já que o tempo de check-in, pesagem e identificação da bagagem, embarque, desembarque, carregamento e taxiamento das aeronaves costuma ser maior. Além disso, como no Brasil a malha aérea é integrada, um voo atrasado ou cancelado em uma cidade, pode trazer consequências aos horários de voos em outra.

8) Ao retirar a bagagem despachada da esteira, confira!

Caso tenha percebido algum dano ou mesmo se a bagagem não aparecer na esteira, tendo sido extraviada, é necessário que se preencha o RIB – Registro de Irregularidade de Bagagem – antes mesmo de sair da área de desembarque. É muito importante saber que não se deve despachar objetos de valor, dinheiro, eletrônicos e joias, por exemplo.

Caso o passageiro tenha sido prejudicado em viagens em época de alta temporada, ele deve procurar advogado especializado em Direitos do Passageiro Aéreo, para buscar defesa diante da má conduta das companhias.

É direito do passageiro ser indenizado por danos morais e danos materiais que possam ter trazido transtornos nos aeroportos.

 

0Shares
0